NotíciasPolítica

Conhecendo a verdade da história política de Xinguara.

Nos seus trinta e sete anos de emancipação política a cidade de Xinguara teve grandes e importantes gestores.

Nos seus trinta e sete anos de emancipação política a cidade de Xinguara teve grandes e importantes gestores. A cidade viveu todos os ciclos de extração mineral, passando para o ciclo do agronegócio e atualmente entra no ciclo do ensino superior.

Ao longo destas três décadas e para que os cidadãos que conhecem pouco sobre a política local possam refletir. A maioria dos prefeitos foram eleitos pela primeira vez que colocaram o seu nome para apreciação popular. Foi assim com Itamar Rodrigues Mendonça o primeiro prefeito da história, foi assim com Atil José de Souza e Elviro Arantes eleito na segunda candidatura.

Destes três, Itamar Mendonça e Atil José de Souza voltaram ao poder em um segundo mandato, naquela época não existia a reeleição. Mas, apenas dois prefeitos foram reeleitos em toda a história da nossa cidade que são eles; José Davi e Osvaldo Assunção que está no cargo em seu segundo mandato.

O porque dessa história? Nota-se que alguns políticos que tentaram a eleição e não conseguiram, a grande maioria desistiram por saber que o povo não querem que eles assumam nenhum cargo do executivo. Outros, que ainda resistem e tentam uma terceira disputa, pregam que só é possível tornar-se prefeito na terceira tentativa.

Porém, é importante voltar ao segundo parágrafo desta matéria e analisar que, não existem este paradigma de tentar três vezes para conseguir governar a cidade. Uma vez que o povo de Xinguara quando quer e confia, escolhe na primeira vez. Ou, podemos dizer após a avaliação daqueles que só foram eleitos na terceira tentativa, de que os mesmo, souberam reconhecer e planejar com estratégia e muita humildade para conquistar a maioria do eleitorado.

Pois bem, fica a certeza; O povo de Xinguara já disse não duas vezes e pode ter certeza que alguns políticos que tentaram chegar a ser prefeito. Desistiram por saber que eles não preenchem os requisitos e as vontades dessa gente.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar